PUBLICIDADE

Saúde

Coma pimenta vermelha e viva mais

Ela arde, mas prolonga a vida. A pimenta vermelha (dedo-de-moça, malagueta, caiena) reduz em 13% o risco de morte por infarto e acidente vascular cerebral (maiores inimigos da vida corrida), segundo um estudo da Universidade de Vermont, nos Estados Unidos, com 16 mil americanos e duração de 23 anos.

Quem dá esse poder à especiaria é a capsaicina – substância responsável pelo gosto ardido com outros dois efeitos comprovados: “Termogênico [acelera o metabolismo] e protetor contra o câncer”, confirma a nutricionista Cyntia de Oliveira, do Centro Universitário Celso Lisboa, no Rio.

Se você não tiver problema de estômago, a indicação é de 3 gramas (cerca de 4 pimentas malaguetas ou 2,5 centímetros da dedo-de-moça) por dia, com as sementes! Coloque no peixe, no guacamole (pasta de abacate), no chá verde, na geleia de frutas e até no bolo de chocolate.